terça-feira, 27 de maio de 2014

Autotransformação através do Tarô



A Autotransformação é um processo libertador! Pode ser difícil, pode ser negado por um tempo, mas é maravilhosamente inevitável! Acreditamos que somos o que somos e assim que deve ser, acreditamos que vivemos situações que o mundo nos traz mas não que sejamos responsáveis por elas. Mas ficamos nesta zona de conforto até um certo momento porque, ou nos sentimos insatisfeitos, ou vivemos um drama, enfim, alguma coisa começa exigir de nós uma grande transformação.
Começamos olhando pra fora, pro mundo, para os outros e percebemos que estamos num beco sem saída. Aí olhamos pra nós! Neste momento começamos a sair do nosso casulo, da nossa ilusão de que somos o que somos e ponto. Não precisamos ser o que achamos que somos, precisamos ser o que sentimos que somos e o que podemos ser! E é isso o que precisamos descobrir, quem somos de verdade, o que sentimos de fato, o que desejamos afinal...
Este processo é doloroso? Sim!  Mas é libertador! Neste momento crescemos, e crescer dói! Evoluímos, transcendemos...
Para nos ajudar podemos buscar gurus, meditar, fazer um mapa-astral, fazer terapia e também consultar o Tarô, nosso espelho! Sim, o Tarô é nosso espelho. O auxílio que o Tarô nos dá é fascinante.
O Tarô é um instrumento de autoconhecimento, formado por arquétipos e todos esses arquétipos que estão reunidos no Tarô são partes de nós, do Ser Humano como um todo, decifrando toda sua jornada de crescimento, de evolução, com todas as suas virtudes e fraquezas. É o espelho da alma humana.
Não há magia, não há adivinhação, há apenas a compreensão, a tradução de nós mesmos, dos nossos medos e anseios, sonhos e frustrações...
Os arquétipos apresentados durante uma leitura trazem estas informações, o que pensamos sobre nós, o que acreditamos, o que tememos, o que queremos, como agimos e quando começamos a refletir sobre todas as informações relativas aos arquétipo apresentados, nos questionando sobre o fundamento delas em nossas vidas, em nossas ações, em nossos sentimentos, as respostas começam a surgir, vamos nos descobrindo, nos compreendendo e passamos a ter uma nova visão sobre nós mesmos, assumimos uma nova postura e seguramos as rédeas de nossas vidas em nossas mãos!
Não precisamos esperar por um momento de crise pra buscarmos a mudança interior, podemos escolher a transformação através de uma busca amorosa por nossa essência, o autoconhecimento deliberado, que faz com que nos sintamos cada vez mais de bem com a vida e com a gente mesmo.
Este processo terapêutico através do Tarô nos remete a uma viagem interior, a uma análise profunda sobre nós mesmos, a uma tradução de quem somos e a uma construção de um Novo Eu, mais leve, sem amarras, sem equívocos, mas principalmente, com uma identidade transparante para si mesmo, com uma percepção clara sobre seu sentir e uma visão focada sobre seu querer...


Descubra-se  -  Transforme-se

Agende sua consulta!

Vânia Medeiros - Terapeuta Holística e Taróloga